TODOS OS TEXTOS COMERCIALIZADOS SÃO ORIGINAIS, SÃO PROPRIEDADE DA MARCA REGISTADA SARDINHA PEQUENINA E ESTÃO PROTEGIDOS PELA LEI DA PROPRIEDADE INTELECTUAL
  Blog

O teu abraço

Escrito em 24 de novembro de 2021

O teu abraço

Abraça-me.

Com força. Como se o teu abraço não tivesse fim.

Que os teus braços sirvam de elo entre nós nos dias de desordem.

Que formem um laço. Sejam promessa de tudo. 

Que no nosso abraço eu possa sempre encontrar forma de te transmitir o que não presenciaste.

Mas que te quero contar. Com todos os detalhes. Com todos os pormenores. 

Entre gargalhadas e confissões, é no teu abraço que festejarei os dias.

 

Mas, nos dias menos bons, que o teu abraço seja seja fonte de conforto.

De alento. De esperança. De calor. 

Que nesse abraço eu me perca, sabendo sempre que não estou só.

Que eu repouse. Descanse. Feche os olhos.

No teu abraço eu procurarei certezas perdidas. 

O eu de ontem. Ou o nós de hoje.

Que esse teu abraço amarrote, amasse, amachuque. 

Que me aperte e me agarre para me garantir que estou viva.

 

O teu abraço será sempre medalha que me enlaçará em todas as vitórias.

Mas será, sempre e com toda a certeza, força para os amanhãs mais duros.


×